segunda-feira, 26 de setembro de 2011

As Fadas Damas Verdes

Família de Fadas muito etéreas que são consideradas elementais do ar. Habitam os castelos em ruínas em seus jardins, e suas vestes são verdes.

São esguias, belas e graciosas. Vivem, principalmente, na zona leste da França e na Inglaterra. Seus deslocamentos são muito rápidos e para realizá-los aproveitam o impulso do vento.

Existe um tipo de Dama Verde (Caerphilly), que se transforma em uma planta chamada hera quando tem que abandonar o castelo em ruínas onde habita.

Pequeno ritual mágico: Traga um plantinha nova para sua casa e cuide dela com muito amor.


Flores e Luz.



(Fonte: meu Livro das Fadas pessoal, anotações aleatórias antigas de estudos)



sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Feliz Ostara! Salve a Primavera!

Ontem me despedi do inverno...acendi a vela de yule que ficou no meu altar das estações e, um incenso se patchouli...andei pela minha casa toda me despedindo e recitando: "Adeus espíritos invernais e amigos; amanhã saudaremos os espíritos da Primavera. Que minhas bênçãos os acompanhem em seu caminho, e que alegres nos encontremos no próximo inverno outra vez".


E assim fui me deitar, já sonhando com a Primavera que estava cada vez mais próxima, trazendo a renovação, o colorido e a alegria que minha alma anseia.

Ao amanhecer, abri meu melhor sorriso, um sorriso feliz de gratidão, e o que saiu da minha boca foi: FELIZ PRIMAVERAAAAAA!!!! rs Preparei meu café da manhã com muita alegria e amor, abençoei a doce energia primaveril com a qual me identico imensamente...

Quero de coração, desejar à todos que passam aqui pelo meu jardim mágico e florido, uma linda e feliz Primavera, que a renovação se faça presente, que as suas sementes germinem, que os seus sonhos se tornem realidade! Deixem as energias primaveris tomarem conta da sua vida. Feliz Ostara!!!!



"SAUDAÇÃO À PRIMAVERA"

Oh! Doce Espírito da Primavera, eu abro meu coração para a tua presença.

Que possam tuas flores desabrochar em mim.

Que minha vida desabroche.

Que meu amor desabroche.

Que meus sonhos se desabrochem.

Que minha alegria desabroche.

Que minha alma floresça no teu sopro.

Eu te saúdo feliz.

Oh! Doce Espírito da Primavera.


Hoje, para mim o clima é de festa, alegria pura! Comemorarei Ostara com todo amor. Entre cuidar de casa, dar as minhas aulas e, fazer meus atendimentos, estou a planejar o meu ritual de renovação, de saudação a nova estação...a estação que está dentro e fora de mim...

Incenso de jasmim, sementes, flores, folhagens, ovos coloridos, velas, perfumes, Deusas e Fadas...música, dança, cores, poemas, bolinhas de sabão...assim será meu equinócio...repleto de magia e fé na vida....porque a vida sempre segue...

Feliz Ostara!!!! Feliz Primavera!!!

Beijinhos.


Flores e Luz.



(Créditos: trecho da recitação de despedida de inverno: Ann Moura - Saudação à Primavera: Luciane Gerodetti)











quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Se eu tivesse

Se eu tivesse dedos de fada,
Bordaria estrelas no jardim...
Que fossem macias e estofadas,
Para que, descalço, você andasse sobre elas,
Como quem pisa em canteiros de cetim.


Se eu tivesse dedos de fada,
Desenharia flores pelo teto,
Que fossem azuis e perfumadas,
Para que os anjos, devidamente seduzidos,
Dissessem Amém aos seus sonhos preferidos...


Flores e Luz.


(Autora: Flora Figueiredo)



domingo, 18 de setembro de 2011

Uma Fada feliz!

No final da semana passada, eu e meu namorido fomos ao shopping.
Eu tinha dois intuitos: Comer um algodão doce cor-de-rosa bem lindo e gostoso e, tirar uma foto na frente do carrossel, pois toda a vez que passo por alí, fico encantada com ele, todo aceso e colorido, acho tão lindo...
Poi é, o algodão doce ficou pra outro dia né, não tinha, mas o carrossel estava lá, lindo, me esperando para tirar uma foto rs.





Lindo não é?

Agradeço ao meu amor que tirou as fotinhos para mim e, a Grande Deusa por me permitir ser feliz com as pequenas coisas da vida!

Beijinhos.


Flores e Luz.





sábado, 17 de setembro de 2011

Trago flores para vocês

Desejo à todas as flores, rosas e cravos do meu jardim que passam por aqui, um lindo, abençoado e florido final de semana.







Recebam as bênçãos da linda Fada das Flores, e sejam sempre felizes!

Beijinhos de Fada.


Flores e Luz.









quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Ótima notícia

FLOR USADA NO ANTIGO EGITO TEM SUCESSO CONTRA CÂNCER EM PESQUISA

Um novo remédio feito com uma flor que já tinha usos medicinais no Egito antigo pode destruir células de câncer, segundo uma pesquisa realizada por cientistas britânicos.
A nova droga produzida a partir do açafrão-do-prado (Colchicum autumnale) circula na corrente sanguínea, mas só é ativada por uma substância química emitida por tumores malignos.
Ela atacaria então as células cancerosas que se espalharam, mas deixaria intactos os tecidos saudáveis. O remédio foi testado com sucesso em camundongos contra câncer de mama, intestino, pulmão e próstata, mas deve ser eficiente contra qualquer tipo de tumor sólido, segundo os pesquisadores.
Nos testes de laboratório, metade dos camundongos ficou completamente curada após uma única injeção da droga e houve redução no ritmo de crescimento dos tumores em todos os animais testados.
Os testes clínicos devem começar em até dois anos.

'Inanição'

Os pesquisadores dizem que a chave para o sucesso do tratamento é que ele é ativado por uma enzima usada pelos tumores para invadir os tecidos a seu redor.
Uma vez ativado, o remédio destrói as veias que alimentam o tumor e faz com que o câncer morra de inanição. "O que criamos é, efetivamente, uma 'bomba inteligente', que pode ser direcionada a matar qualquer tumor sólido, aparentemente sem danificar os tecidos saudáveis", disse o líder da pesquisa da Universidade de Bradford, Laurence Patterson.
Veneno
O extrato do açafrão-do-prado tem um histórico de usos medicinais e também como veneno na Grécia e no Egito antigos. Mais frequentemente, a substância colchicina, retirada da planta, é usada no tratamento de crises de gota. Tentativas anteriores de usá-la no combate ao câncer fracassaram devido à alta toxicidade do composto, mas o problema teria sido resolvido depois que a equipe britânica conseguiu torná-la inofensiva até entrar em contato com um tumor.
A nova droga pertence à mesma família de remédios do Paclitaxel, o agente de quimioterapia mais usado no mundo, produzido a partir da casca da árvore Taxus brevifolia.
"Se (os resultados) forem confirmados em testes de laboratórios mais extensos, os remédios baseados nessa abordagem podem ser muito úteis como parte de uma combinação de tratamentos contra diversos tipos de câncer", disse Paul Workman, do Instituto de Pesquisa do Câncer, em Londres.
Pacientes do Hospital de St. James, em Leeds, poderão ser os primeiros a testar o novo remédio dentro de 18 a 24 meses.

Ah pessoal...vibro tanto por isto...não aguento mais ver tanta gente sucumbindo diante desta praga...
Vamos formar uma corrente vibratória poderosa para que este sonho (que sei que não é só meu) se realize.
Assim seja, assim já é, e assim será sempre!
Beijinhos.

Flores e Luz.

(Fonte: http://noticias.uol.com.br/ultnot/cienciaesaude/ultimas-noticias/bbc/2011/09/12/flor-usada-no-egito-antigo-tem-sucesso-contra-cancer-em-pesquisa.jhtm )

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Lua Cheia às 6h28

E ela chegou novamente, linda, magestosa, poderosa no céu...a Lua Cheia...


Noite e dia de pedidos...os mais nobres...


Não se esqueça também de agradecer...sempre, sempre, pelas maravilhas da sua vida...


Pela oportunidade de estar aqui olhando esta Lua linda e mágica, pronta para te ouvir...


Salve Lua Cheia...traga-me bênçãos sem fim...gratidão por tudo em minha vida, assim seja!


Flores e Luz.









sábado, 10 de setembro de 2011

Conselho de Fada

"Controle a sua ansiedade.
Quando não acontece nada, é porque o melhor será não fazer nada.
Quantas vezes a nossa precipitação tem dificultado nossa vida?"

Flores e Luz.

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

"Alguns escolhem ver o lado negro, outros, o lado melhor.
É claro que os últimos vivem mais felizes".

Flores e Luz.

domingo, 4 de setembro de 2011

A Fada Anjana

Ela é a Fada que personifica a bondade.
Possui um rosto belo e atrativo, com longos e muito finos cabelos claros e de pele branca.
Mede entre cinqüenta até cento e sessenta centímetros de altura.
Aparece vestindo uma túnica comprida na cor branca, usa sandálias e geralmente leva em uma de suas mãos um bastão colorido com propriedades mágicas.
Adorna seus cabelos com guirlandas de flores silvestres de diversas cores.
Se alimenta de mel e frutas do bosque.

Elas ajudam a encontrar o caminho de volta à todos aqueles que se perdem em seus bosques. Socorrem os enfermos com uma bebida milagrosa, cuidam dos rebanhos e limpam as fontes e os arroios. Dizem que as Anjanas conhecem a linguagem da natureza e podem conversar com os animais e as fontes. Premiam as pessoas generosas e de bom coração.


Vive em grutas ou covas secretas onde guardam fabulosos tesouros. É a Fada que tem o poder de conceder desejos e de curar.


Flores e Luz.



(Fonte: anotação antiga do meu livro das Fadas pessoal, na época não anotei o autor)






Love is in the air





O amor está no ar...ai ai... : )

Beijinhos.


Flores e Luz.






sábado, 3 de setembro de 2011

Sol de Primavera

Impossível não lembrar desta canção a cada setembro que chega...
Não conhece esta canção do Beto Guedes? Ouça aqui.


Sol de Primavera

Quando entrar setembro e a boa nova andar nos campos

Quero ver brotar o perdão onde a gente plantou juntos outra vez

Já sonhamos juntos semeando as canções no vento

Quero ver crescer nossa voz no que falta sonhar

Já choramos muito, muitos se perderam no caminho

Mesmo assim não custa inventar uma nova canção que venha nos trazer

Sol de primavera abre as janelas do meu peito

a lição sabemos de cor

só nos resta aprender...



E que venha a Primavera!



Flores e Luz.






quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Devaneios

Vesti meu sorriso mais bonito
e prendi o cabelo com duas estrelas...


Não era hora de devaneios nem delírios
mas o vento me chamava com promessas
de rendas e luares
sobre a areia molhada da chuva.


O silêncio das eras bailava nas folhagens
densas das palmeiras...e o ar da noite
seguia seu tépido esvoaçar de dedos azuis.


Terno era o murmúrio das ondas
entrecortadas pelo alvoroço das gaivotas.
E doce... muito doce ...era viver assim,
suspensa entre as estrelas e o profundo azul do mar...


Flores e Luz.



(Autora: Luna)