terça-feira, 17 de agosto de 2010

Reflexão - Reverência ao Destino

Falar é completamente fácil, quando se tem palavras
em mente que se expresse sua opinião...
Difícil é expressar por gestos e atitudes, o que realmente
queremos dizer.

Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas
circunstâncias...
Difícil é encontrar e refletir sobre os seus próprios erros.

Fácil é fazer companhia a alguém, dizer o que ela deseja
ouvir...
Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer a verdade quando for preciso.

Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre a mesma...
Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer.

Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado...
Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te conhece.

Fácil é viver sem ter que se preocupar com o amanhã...
Difícil é questionar e tentar melhorar suas atitudes impulsivas e as
vezes impetuosas, a cada dia que passa.

Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar...
Difícil é mentir para o nosso coração.

Fácil é ver o que queremos enxergar...
Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto.

Fácil é ditar regras e...
Difícil é segui-las...

Flores e Luz.

(Carlos Drummond de Andrade)

8 comentários:

Meri Pellens disse...

"Fácil é ditar regras e...
Difícil é segui-las..." Verdade!
Beijos na alma, querida!

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

é bem verdade... pena que não tenhamos isso sempre presente...

Beijo!!

Isadora disse...

Bom dia, minha amiga. Com certeza é bem mais fácil criticarmos, julgarmos a partir de algo que não fomos nós que vivemos. Toda a história apresenta duas versões, mas o que me deixa profundamente chateada são as pessoas que agem errado, sabem disso, mas querem se passar por corretas, ou acham que seus atos errados são justicados, quando não são, mas fazer o quê, né?
Um beijinho e boa semana

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


TE SIGO TU BLOG




CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...


AFECTUOSAMENTE
DA DEUSA

ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER Y CHOCOLATE.

José
Ramón...

Aine Piena disse...

Tudo isso é muito verdade, me identifiquei muito!

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Agradeço à todos pelos comentários.
Meri e Gaspas, beijinhos.

Isadora linda, tem gente que dá uma de mané mesmo né? Mas a roda gira, pode nos enganar, mas na realidade estão se enganando pobrezinhas, depois tomam uma rasteirinha da vida e não sabem o que aconteceu!!! Ô dó rs. Beijinhos.

José Ramom, que poesia maravilhosa! Obrigada e seja muito bem vindo!
Beijinhos.

Aine, estava com saudades de seus comentários. Beijinhos.

Flores e Luz.

Socorro Melo disse...

Oi,Mônica!

É tão mais fácil entender, aconselhar, recomendar, esbravejar, quando não somos nós que estamos vivenciando um problema, e tão difícil quando sentimos na própria pele, e não sabemos que fazer com ele.

Daniele O disse...

Oi!
É sei bem o que é a maioria dessas palavras, e hoje sou bem melhor, descobri que nem sempre a primeira imagem é a que fica, descobri que quando ouço mais, fica mais fácil entender...
Gosto muito de você!
Bjs!
Ser Estranho Ser!