quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo!



Desejo de todo coração que todas as minhas flores, rosas e cravos do meu jardim tenham um 2011 abençoado, repleto de realizações, saúde, prosperidade e muitas felicidades.
Obrigada à todos pela amizade e carinho, ano que vem espero continuarmos juntos e conectados no amor divino.

Feliz Ano Novo!!!

Beijinhos.

Flores e Luz.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Canta e Dança Mulher



Canta e Dança Mulher

Lembra mulher de quando teus pés descalços pisavam na terra molhada,
depois da tempestade tão esperada...
Recorda quando teus ouvidos sabiam compreender as mensagens que o vento assoprava para o teu espírito...
Inspira fundo e sente o aroma daquela época onde viveste próxima aos frutos e às flores e tudo acontecia em tempo certo, sem apressamentos...
Compreende que teu corpo e tua alma obedeciam à voz da Grande Mãe,
e tua vida fluía plena de sabedoria, pois tu representavas a Deusa, o sagrado feminino,
e de ti resplandecia toda a generosidade...
Recorda que conhecias bem os mistérios da Lua, tua irmã, e te guiavas por instintos e intuições, sonhavas com as respostas e cheia de confiança em teu coração guiava a tua vida
e de tantos outros por caminhos seguros...
Tua natureza, sempre disposta a dar vida e dela cuidar, ligada por estreitos laços aos ritmos e ciclos do universo, sabia cantar e dançar, e assim espalhava alegria pelo norte, pelo sul, pelo leste e pelo oeste, sem perder o teu centro...
Rosa dos ventos e dos tempos, hoje estás novamente aqui, mas não te esqueça jamais de continuar a cumprir o teu sagrado papel...
O Universo ainda carece do teu feminino...

Ah! Então canta e dança e o destino dos homens se cumprirá!

Flores e Luz.

(Infelizmente desconheço a autoria)

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Mensagem da Alma

"Exortação da Deusa Estelar"
(Versão de STARHAWK)

Eu sou a beleza da terra verde e da Lua
branca entre as estrelas
e os mistérios das águas,
Eu peço que seu espírito venha a mim.
Pois Eu sou o espírito da natureza que dá vida ao universo.
De Mim emanam todas as coisas e para Mim elas têm de retornar.
Que a minha adoração esteja no coração que se rejubila, pois veja
- todos os atos de amor e prazer são Meus rituais.
Que haja beleza e força, poder e compaixão,
respeito e humildade,
alegria e reverência em seu interior,
E você que procura Me conhecer, saiba que a sua busca
e aspiração serão em vão, se não conhecer o Mistério:
porque se o que você procura, não for encontrado no seu interior,
jamais será encontrado fora de você.
Pois veja: eu estou com você desde o começo,
e eu sou aquilo que
é alcançado no fim do desejo.

Lindo final de semana à todos.

Flores e Luz.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Pedra de 2011 - Lápis Lazúli

Pois é gente, o ano já está terminando, e 2011 já está aí, batendo na nossa porta.
Hoje quero compartilhar com vocês, um texto da competente litoterapeuta Angélica Lisanty, que carinhosamente me autorizou a utilizar este belo e rico material.


Pedra do ano de 2011 - Lápis Lazúli

O Lápis Lázuli, rocha metamórfica, vem como um bálsamo neste período, onde poderemos abrir nossa consciência para ver os objetivos espirituais que estão por traz deste momento da humanidade. Ele nos ajuda a entender, a discernir, a aprender sobre o momento em que estamos vivendo.

Uma pedra sagrada, utilizada por muitos povos antes de nós, sempre com objetivos espirituais elevados, como conexão e visão sob um olhar espiritual da realidade aqui na terra. No aspecto físico, pode agir como uma pedra calmante, anti-ansiolítica, promovendo o relaxamento e induzindo ao sono tranqüilo. Ajuda de forma vibracional a reforçar o sistema imunológico do organismo. Auxiliar no tratamento de afecções de pele, acnes, eczemas e urticárias. Age beneficamente sobre as disfunções hormonais e também sobre a frigidez. Atua sobre o metabolismo, favorecendo a perda de peso.

No aspecto emocional, movimenta o universo interior sempre em busca de seus desígnios maiores, ao sentido da vida, ou ao que veio nesta encarnação. Proporciona o reencontro e a religação consigo mesmo. É capaz de abrandar e solucionar estados emocionais de conflitos interiores. Promove a auto-aceitação e a auto-estima. Faz com que possamos nos sentir acolhidos pelo universo, e fortes o suficiente para enfrentarmos o que vier pela frente. Favorece a força da alma, em sentido elevado, sobre a mente. Auxilia nos processos de cura de somatizações, pois ela faz com que a pessoa possa compreender o “porque” adoeceu, e o que vai fazer por si mesmo para se curar, com sabedoria e muita, muita proteção espiritual.

No aspecto mental é capaz de abrir a visão positiva de nossas virtudes. Promove a abertura mental ao plano da sabedoria superior. Faz abertura do discernimento e da absorção de novos conhecimentos. Abre a mente para o novo, o mais belo, o mais artístico, o mais inspirado, enfim, todas as conexões positivas da alma com o refinamento intelectual e espiritual. Esta pedra é capaz de fazer a abordagem de sua energia de forma natural, sem choques, inspirando a mente aos mais nobres e elevados conceitos de sua alma. Favorece a concentração, induz ao estado meditativo e à profundidade interior. Boa conselheira nos casos de tomadas de decisões ou posicionamentos firmes em casos delicados.

No aspecto espiritual ela promove a contemplação da espiritualidade. Possui uma propriedade especial que é a de purificação, não só do corpo físico, como também dos corpos sutis. Esta purificação é no sentido de elevação da alma e de realinhamento energético. Sua ação protetora é bastante forte. Assim como a abertura que promove, para o entendimento na matéria, do mundo espiritual.

Enfim, podemos entender que o caminho sempre será pelo autoconhecimento e pelo entendimento da alma e do seu coração, adaptando o nosso "ser" à mudança do padrão vibracional universal. A energia universal vem caminhando nesta direção há 20 anos, pois em 2012 estará à nossa porta a abertura da Era de Aquário, uma nova consciência participativa da iluminação, da transformação da consciência individual para obtermos a elevação espiritual, para a qual o processo de adaptação não existe um "remédio", mas sim uma atitude de mudança interior.

Flores e Luz.




quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Um só Jóia

Olá flores, rosas e cravos lindos do meu jardim perfumado.
Hoje vou postar aqui o trecho de um livro que li nos idos dos anos 90, e que amei! Esta parte que colocarei, foi a que mais marcou para mim, acho que pelo fato de ser a descrição de uma dança. É claro que já li umas duas vezes à mais, mas este trecho eu li milhares de vezes, inclusive até para as minhas alunas (Dança do Ventre).

O livro se chama:
"Uma Mulher chamada Tii" - Editora Radhu -
É um romance mediúnico de Marilusa Moreira Vasconcelos por Tomás Antonio Gonzaga e César.
Farei algumas adaptações para ficar mais breve.

Boa viagem...

Uma só Jóia

...foi neste momento, que as servas do séquito real foram anunciadas e começaram a entrar se posicionando no enorme salão...

Um gongo soou e meninas dançarinas entraram jogando flores que forraram o chão do recinto. Em seguida, algumas esculturas colocadas no salão foram acesas. Eram velas gigantescas de cera, e de sua fumaça se evolava um perfume suave e inebriante.

Uma euforia anestesiante tomou conta dos presentes, Amenhotep percebeu, com impacto, que a jovem aluna usava de seus conhecimentos, para envolver os presentes com um filtro de amor, mas procurou permanecer impassível. Aquela essência ele não lhe ensinara. Então quem?...

O bem estar causado pela essência já dominava os presentes. Se Tii estava com intenção de ser amada, por certo, usava expedientes para tanto.

Em seguida, núbios fortes entraram com tochas protegidas por vidros coloridos que, a medida que eles caminhavam, impregnavam de nuances e movimentos o pavimento e as paredes, causando uma sensação de leveza tal, que ele só conhecera quando mergulhava nas águas claras do lago do oásis, nadando entre peixes e vegetação exótica.

Foi a vez dos músicos, com alaúdes, flautas, instrumentos de cordas e percussão, cantando alegremente, saudarem todos os presentes. E, então, de repente, todas as luzes se apagaram. As tochas foram abafadas e, na porta de entrada uma única luz se viu e nela a silueta de Tii. O derbak apenas se ouvia, tocando ao ritmo do coração. A própria respiração dos presentes estava suspensa.

Yuaa e sua esposa perceberam que a filha ia executar uma das danças sagradas, que aprendera no Templo de On, a dança da fertilidade e do amor...ao lado do casal real, o príncipe herdeiro observava ansioso.

Quando Tii atingiu o centro da sala, as tochas foram novamente acesas. Elas eram giradas nas mãos dos servos, de tal sorte que a luz projetada pelos vidros multicores criava estranha atmosfera de luz e cores, no espaço, e nas vestes diáfanas da jovem noiva. Ninguém saberia dizer qual seria a cor de seu vestido. A música subiu envolvente e ela dançava. O ventre desnudo, os movimentos ondulantes, ela se fazia ali, meio mulher, meio serpente. Os cabelos esvoaçantes pelas costas, cintilavam de pedras finas, os seus pés descalços, sustiam-na nas pontas como se deslizassem no solo...o ventre ondulava em movimentos ora lentos, ora rápidos, acompanhando o ritmo da música que invadia o imenso salão.

Seus lábios vermelhos sorriam com voluptuosidade, e as mãos pareciam mover-se a maneira dos cisnes. Os volteios do corpo faziam as vestes girarem e os véus movidos pelas mãos teciam arabescos no ar, mostrando o corpo fino e delicado, a pele clara.
A pequena princesa ia e vinha nos volteios. Ao parar diante do trono os movimentos do quadril se fizeram mais rápidos e os ombros acompanhavam, destacando seu bustiê ricamente bordado em pedrarias. O tronco tombava para frente e para trás e a agitação dos movimentos era tão harmoniosa que era difícil saber o esforço dispendido, e como se conseguia harmonizar todo o conjunto dos movimentos dos membros, do ventre, dos ombros, da cabeça.

Tii parecia agora tomada pela música, girava com tal graça e leveza que parecia iria alçar vôo. Foi depois abaixando para o solo, enquanto os movimentos dos quadris continuavam.

Ninguém percebera, mas no chão haviam colocado uma espada de ouro toda trabalhada. Ela abaixou-se e a tomou, girando com ela.

Os presentes não conseguiam tirar-lhe os olhos. A música evoluia mais e mais vibrante. Ao som dos instrumentos de percussão, sincronicamente, os quadris subiam, desciam, volteavam, em ondulações longas ou curtas, e as pernas tremiam febricitando as vestes...

Percebia-se que a música atingia seu auge. Tii ergueu a espada sobre a cabeça e voltou-a como contra o próprio peito. Yuaa teve um sobressalto. Todos estremeceram. Iria a jovem dar cabo da própria vida? O príncipe saltou os degraus e ela, atirando-se para trás, lançou-se com as pernas dobradas para trás no solo, a espada sobre a barriga, equilibrava-se, enquanto seus braços se alongavam para trás e para cima como se fossem duas najas prontas para o ataque. O príncipe estancou diante dela e, vendo-o, a menina tomou a espada e estendeu-lhe.

Erguera-se do solo como um felino ágil, e agora erguia os dois braços cumprimentando os reis e seus pais.

Tii com uma vênia foi saindo, acompanhada de seus músicos...

Gostaram?

Flores e Luz.















sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Reflexões de uma Sacerdotisa

Frase do Dia:

"Nós não vemos o que vemos, nós vemos o que somos.
Só vêem as belezas do mundo, aqueles que tem belezas dentro de si".
(Rubem Alves)

Nós devemos criar o mundo no qual queremos viver.
As adversidades da vida estarão sempre presentes, o que mudará alguma coisa, será a forma como vemos essas "coisas".
Estamos a todo momento fazendo escolhas e, diante dos contratempos, sejam eles grandes ou pequenos, precisamos escolher: a derrota (morrer) ou a ascensão (viver).
As coisas são terríveis somente se temos coisas terríveis por dentro, são feias, se temos feiura dentro de nós. Se soubermos cultivar a beleza interior, cada vez mais essa beleza invadirá a nossa vida e, por mais que coisas desagradáveis e pesadas aconteçam, escolheremos sempre ver o lado positivo daquilo.
Não se perca em lamúrias, reclamações e pessimismo, pois quando você se perde desta maneira, é nisso que sua vida se transforma...lembrando também de que tudo o que você reclama, lhe será tirado.
O Universo em sua inteligência, age de acordo com nossos sentimentos e quereres.
Se só pensa em doenças, doenças terá; se só pensa em fracassos, fracassos terá; se só pensa em macumba, a macumba pegará! Os piores obsessores de nossas vidas, somos nós mesmos. Damos força e vida às coisas através de nossos pensamentos e palavras.
Então, que possamos ser fortes, que venham as flores, os amores, a beleza dentro de nós!
A partir de hoje o meu lindo coração, é um belo e perfumado jardim, que sustenta e se preenche de alegria e saúde; e estando assim preenchido, que desse jardim florido, se espalhe o pólen divino através de minhas palavras, gestos e olhares, podendo assim germinar, em outros lindos jardins adormecidos pelo pessimismo e pela dor...se transformando em flor...através do amor.

Por Mônica - Sacerdotisa da Deusa

Flores e Luz.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Mulheres, reflitam

"As mulheres honram o seu Caminho Sagrado quando se dão conta do conhecimento intuitivo
inerente a sua natureza receptiva.
As mulheres precisam aprender a amar, compreender, e, desta forma, curar umas às outras.
Cada uma delas pode penetrar no silêncio do próprio coração para que lhe seja revelada a beleza do recolhimento e da receptividade".

(Jamie Sams)


Flores e Luz.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Poção Cigana para o Amor

Optchá gente do bem!
Cá estou eu atendendo a pedidos, antes tarde do que nunca rs.
Sim, sou professora de Dança Cigana também, dançar é a minha vida! Muito obrigada ao pessoal que me manda e-mails fazendo pedidos e tirando dúvidas, fico muito feliz em poder ajudar.
Pra vocês que me pediram uma magia cigana para o amor, aí vai:

Poção Amorosa dos Ciganos para encontrar um Amor

♥ Vinho tinto
♥ Funcho seco
♥ Manjericão seco
♥ Noz-moscada
♥ Vela rosa
♥ Óleo de rosa

Preparo: coloque em um caldeirão 1/4 de vinho tinto, uma colher de sopa de funcho seco, uma colher de sopa de manjericão seco e três pitadas de noz-moscada. Leve esta mistura ao fogo.
Na mesma hora acenda uma vela rosa, untada com óleo de rosa e, emanando sua energia para o caldeirão, diga:

"Ó poderosa Santa Sara, pela brilhante vela, fazei com que, esta noite, acendam-se as chamas do amor no meu coração e no coração da pessoa certa para mim."

Após três minutos, retire o caldeirão do fogo, coe o líquido e beba metade, a outra metade coloque na terra.

Importante: Esta magia deve ser feita em noite de lua crescente, de preferência numa sexta-feira.

Então vamos lá, não perca tempo, providencie todo o material e prepare-se para a chegada da lua crescente e suas brilhantes vibrações. Anotem aí, ela entra no dia 13/12.
Beijinhos e boa sorte.

Flores e Luz.
(Poção de Tania Gori, adaptada por mim)

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Vapt Vupt

Olá minhas lindas flores, meninas e meninos.
Passando rapidinho para deixar um abraço gostoso e desejar um lindo dia.
Tô na correria.
Beijinhos.

Flores e Luz.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Espiritualidade das Mulheres

A espiritualidade da Mulher é a primeira religião da humanidade, a base de todas as formas de espiritualidade, é a raiz de todas as religiões modernas, como o cristianismo, judaísmo e islamismo.
O registro arqueológico indica que a veneração da Grande Deusa começou em todo o mundo, pelo menos no Paleolítico, se não muito antes, cerca de 30 mil anos atrás. O Cristianismo, Judaísmo e Islamismo, juntamente com todas as outras religiões modernas, surgiram muito recentemente em relação ao culto à Deusa na sua raiz. O patriarcado tem governado a humanidade por cerca de seis mil anos, e agora muitos estão voltando para os princípios básicos da "reverência pela vida" encontrado na Espiritualidade da Deusa.
Milhares de mulheres estão recordando as suas antigas origens, em que eram sacerdotisas, e estão retornando aos círculos só para mulheres, para celebrar, para curar, e para lembrar a verdade.
Sem a liderança das mulheres espirituais, os homens estão perdidos. Vemos isso no estado do mundo hoje. Os homens querem e precisam da nossa autoridade espiritual e poder feminino. Recuperando-se em benefício de todos! A espiritualidade da Mulher/Deusa inclui muitas idéias diferentes. No Templo da Deusa do Condado de Orange, a filosofia baseia-se nessas verdades atemporais e eternas:

• As religiões dos povos antigos fundamentada no culto da Deusa, honrando a Mãe Natureza, Mãe Terra e seus ciclos ...

• O movimento da Deusa moderna e os ensinamentos da metafísica ... inclui os conceitos ...

• Há um poder divino de que cada indivíduo é uma expressão essencial, esta energia pode ser direcionada com as nossas intenções, pensamentos, orações e ações para melhorar as nossas vidas e curar nosso mundo.

• Todas as formas de energia dirigida por qualquer indivíduo são finalmente devolvidos, de alguma forma para o remetente.

• Cada mulher é livre, e respeita a liberdade do outro.

• Toda mulher é sacerdotisa de sua própria vida e pode usar sua intuição divinamente inspirada para guiá-la. A divindade vive dentro de todos, cada mulher pode acessar o Espírito Santo para seu próprio benefício, não é necessário nenhum intermediário.

• Cada mulher já detém a totalidade do Universo dentro do seu corpo; para acessar este conhecimento infinito, é preciso a libertação do ego negativo e a aceitação da Unicidade.

• Cada mulher é honrada como a irmã e Sacerdotisa de todas as outras mulheres, ela é a rainha de seu próprio reino (aquele para o qual ela é 100% responsável); cada fase da vida da mulher, da criança à idosa, é homenageada como essencial para o equilíbrio da sociedade e o bem-estar da humanidade e o meio ambiente.

• A diversidade saudável é comemorada: étnica, racial, sexual, econômica, social e aparência.

• O patriarcado ("regra do pai"/modelo dominador) em que a humanidade vive hoje está inexoravelmente dando lugar aos princípios da Deusa eterna de reverência pela vida, a integridade, a inter-relação e a unidade de todos os seres vivos (e tudo está vivo!), a justiça, a misericórdia, a paz, partilha, harmonia, amor e consideração do bem de todos.

• As mulheres são bem-vindas para se referir ao Divino por qualquer nome com o qual eles são confortáveis. Nas orações lideradas por Sacerdotisa do Templo, o Divino é normalmente referido na forma feminina: a Grande Mãe, Deusa, Ela de dez mil nomes, e às vezes formam um gênero neutro, como Eterno Poder, O Mistério, terra de ser ou Grande Espírito.

Flores e Luz.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Carinho recebido

Olá meus queridos!
Não sou muito chegada nesta coisa de selinhos e tal, mas recebi este de forma tão meiga da querida dona do blog Voando como Borboletas, que quero postar aqui com muito carinho, pois foi o primeiro selinho que ela ganhou. Achei bonitinho ela compartilhar comigo.
Me lembro tbm do meu primeiro selinho rs, ganhei da linda Açuti, nem sabia o que tinha que fazer na época rsrs, uma perdidona mesmo! rs.
Sobre o selinho:
"O Prêmio Dardos é o reconhecimento dos ideais que cada blogueiro emprega ao transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc... que em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, e suas palavras."
Fiquem à vontade para levá-lo com vcs também ok?
Beijinhos e bom feriado.

Flores e Luz.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Doce de Abóbora Encantado

Gente!!!
Eu nem acredito!
Fiz um doce de abóbora que ficou maravilhoso! rs
Sempre reclamei por não ter herdado os dotes culinários da minha saudosa mãezinha, ela era uma cozinheira de mão cheia! Além de comidinhas gostosas, fazia doces, tortas, pães, nhoque (detalhe - ela mesma fazia a massa), bolos, nossaaaa...os bolos, quem é que não amava aqueles bolos que a D. Sonia inventava e que ficavam um arraso? Cada aniversário meu e dos meus irmãos, havia um bolo daqueles de comer rezando. rs
Pois bem, me lembrei disso hoje quando fui fazer meu humilde docinho de abóbora. Pensei comigo - tudo bem que herdei coisas lindas dela, podia ao menos ter um pequeno jeitinho para cozinhar tbm - rs. Acreditam que até meu irmão tem mais jeito pra coisa do que eu? rs
Minha irmã então, essa sim, herdou o domínio desta linda arte, cozinha que é uma coisa de louco!
Se eu fosse depender de agarrar um homem pelo estômago, tava lascada (né amor?) rsrsrs.
Graças aos Deuses tenho outros encantos rsrsrs.

Bom, deixarei aqui a receitinha pra quem quiser assim como eu, se aventurar :)
Vou chamá-lo de:

Doce de Abóbora Encantado

• 300 gramas de abóbora cortada em cubinhos
• 1 xícara de água
• 1/2 xícara de açucar
• 1 punhadinho de cravo-da-índia
• 3 pedacinhos de canela em casca
• 1/2 xícara de coco ralado

Leve tudo ao fogo, menos o coco ralado (esse fica para o final).
Misture, e deixe a panela semi-aberta.
Mexa de vez em quando.
Quando o doce se desmanchar e soltar da panela, acrescente o coco ralado.
Mexa e apague o fogo.
Espere esfriar um pouquinho e...hummm...que delícia!

É...acho que hoje fui abençoada com um beijo em minhas mãos, de uma Fada linda chamada Sonia. Saudades mamãe, te amo.

Beijinhos para todos.

Flores e Luz.






terça-feira, 9 de novembro de 2010

Brincando de Sonhar

Que tal hoje descontrair um pouquinho e brincar de Conto de Fadas?
Então dê uma lida nestas dicas e divirtam-se.
É tão meigo que dá até vontade de morder rs.


24 maneiras de viver uma vida de Contos de Fadas


1 - Beije apaixonadamente.
2 - Use tranças enroladas no alto da cabeça.
3 - Tenha uma conversa com o seu espelho enquanto se arruma.
4 - Colha maçãs no pomar.
5 - Use fitas prateadas amarradas ao tornozelo.
6 - Plante rosas e jasmins silvestres no seu jardim.
7 - Coloque leite e mel para as fadas.
8 - Arranque as pétalas de uma margarida dizendo “Ele me ama... Ele não me ama”
9 - Cante velhas canções da Disney na banheira.
10 - Celebre a primavera usando flores no seu cabelo e tome banho no orvalho da manhã.
11 - Leve uma cesta de biscoitos frescos para sua Vovozinha.
12 - Dê a si mesma um nome secreto que ninguém mais sabe.
13 - Use sapatos com glitter, prata ou rubi.
14 - Faça uma caminhada na praia sob o luar e procure por sereias e tritões.
15 - Escreva todas as manhãs os seus sonhos num diário azul meia-noite.
16 - Conte histórias às crianças.
17 - Esconda uma ervilha seca no seu colchão.
18 - Ajude uma mulher idosa que você encontrar pelo caminho.
19 - Coloque uma única rosa num vaso perto da sua cama.
20 - Passe um dia inteiro na cama com uma camisola bonita esperando por um beijo.
21 - Asse biscoitos de gengibre em formato de homenzinhos ou casinhas
22 - Use pena de ganso para dar sorte.
22 - Coma mingau no café da manhã, tenha certeza de que a temperatura está ideal.
23 – Procure o fim do arco-íris.
24 – Dance à meia-noite na sua sala de estar à luz de velas.
(Por Princess Skie)

Gostaram dessa fofurice? Vamos por em ação?
Beijinhos.


Flores e Luz.

domingo, 7 de novembro de 2010

Feliz Domingo

Olá flores, rosas e cravos lindos do meu jardim perfumado.
Passo por aqui hoje para desejar um Feliz Domingo de Lua Nova.
Aproveite o momento de renovação que está lua poderosa traz para as nossas vidas.
Renove!
Beijinhos enluarados e renovados.

Flores e Luz.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Que Deusa existe em você?

Olá minhas flores de lótus!
Encontrei este teste nas minhas andanças pelo google, é da revista "Bons Fluídos".
Quer descobrir qual Deusa vibra em você neste momento?
Bóra lá:


Pra mim deu empate: Afrodite e Perséfone.
Qual é a sua? Conta, conta rs.
Beijinhos flores lindas.

Flores e Luz.

domingo, 31 de outubro de 2010

Feliz Beltane!

Olá flores, rosas e cravos do meu lindo jardim.
Como sigo a roda sul, celebro neste dia o sabat Beltane, pois estamos no meio da primavera caminhando para o lindo e sonhado verão.
Encontrei este lindo texto da minha querida e amada Fada Bruma, e quero compartilhá-lo, pois vem bem a calhar com as energias que sinto no momento.
Desfrutem.


OS AMANTES SE ENLAÇAM

Aqui no Hemisfério Sul, a Terra está recebendo o calor do Sol, estamos no meio da primavera, o Sol se encaminha para seu apogeu que acontecerá no Solstício do Verão.
O seu calor energiza as plantações, fertiliza as sementes, estimula o acasalamento entre os animais.
Comemoramos Beltane, a Festa de Bell, o Deus do Fogo e o seu encontro amoroso com a Deusa na face da Virgem...
Bem... Essa história você encontra em vários sites, assim eu escolhi que hoje vou escrever sobre a celebração dos casais que se amam.
A consumação do amor sensual nessa noite deve ser realizada com pura magia, e os amantes (amantes - aqueles que amam) devem aproveitar a energia que circula para se entregarem, plena e conscientemente um ao outro, reafirmando a magia da união, ou fazendo-a acontecer.
O corpo da pessoa amada, precisa mais do que nunca, ser visto e sentido como o sagrado e delicioso altar do espírito que o habita.
O sexo deve ser degustado intensa e reverentemente, desde o riso até as lágrimas de emoção.
O mundo conhecido deixa de existir, para adentrarem em um mundo de pura magia, prazer e gratidão. Nesse momento não existe nada mais além do amor e da adoração, “Nada é meu, nada é seu. Somos o universo.” Essa deve ser a frase chave.
Hoje mais do que nunca, é possível limpar todas as amarguras, resgatar a alegria e a união que talvez se fizesse ausente.
A magia do encontro e da entrega está no ar.
Flores, perfumes, canela em pó, velas vermelhas, música, dança, vinho tinto ou suco de uva, doces e muito amor. Essa é a minha receita para os casais nessa noite mágica de beltane.

Flores e Luz.

(Autora Bruma Artio)

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Cura pela Água

A água é elixir da vida.
A água é condutor de energia da vida.
A água é o elemento vital, indispensável para todos.
Na água surgiu a vida. O corpo humano é composto de 70% a 80% de água. A água é um dos elementos mais exigidos da natureza, depois do ar.
Os antigos povos, bem como os Hindus, usavam a água para fins medicinais, porque ela é curativa.
Os efeitos medicinais da água são bem conhecidos. A água age como revigorante, estimulante e tonificador, quando aplicada interna e externamente.
É um poderoso excitante do apetite.
A água deve ser ingerida pela manhã ao levantar e à noite ao deitar. Beber durante o dia, várias vezes. Se for tomá-la durante as refeições, prefira a água sem gelo, pois se estiver gelada, retarda o trabalho da digestão, pois resfria o estômago.
A água quente deve ser bebida de duas a quatro vezes, na medida de uma xícara de chá, por volta de meia hora após as refeições. Essa água quente tem a finalidade de limpar o estômago, por ser estimulante e anti-séptica, agindo de forma confortante, quase como um sedativo no estômago.

I- A água deixada sob as frequências da luz solar e do som são recomendadas para a saúde do corpo.

II- Assim como são benéficos cristais de quartzo em repouso nos recipientes de água.

III- Água Pranizada: A água corrente que está em contato com a natureza contém certa porção de prâna, que é a força vital, assim como a água estagnada ou que sai pela torneira contém uma quantidade mínima de prâna, e também a água fervida.
Para repor esta perda, basta fazer o ar misturar-se novamente com água, passando-a de um recipiente para outro várias vezes, em contato com o ar ela é purificada.
A água praniza estimula, tonifica e revigora melhor do que água comum, incute ao organismo nova vitalidade e energia.
Não é necessário crer na existência do prâna para obter benefícios curativos, porque a virtude da água é livre a todos, creiam ou não.

IV- Água Energizada: Magnetizar a água é outro meio de purificá-la. Segurando um copo ou uma garrafa cheios de água na palma de uma mão e a outra mão em cima por cinco a dez minutos, a pessoa concentra os pensamentos bons e curativos até que a água esteja carregada de energia positiva.
A água magnetizada dá uma sensação de frescura e a água normal tem sabor metálico.
As impurezas do organismo são expelidas por diversos canais, entre os quais as fezes, a urina e o suor. O suor é um importante excretor de impurezas. É importante tomar banho diário e desobstruir os poros, com o intuito de facilitar a sudação e evitar a reabsorção de impurezas.
(Neusa M. Pimenta Aguilar)

É isso aí gente, vamos fazer um bom uso da água, de forma consciente, e ajudando a preservar este tesouro que nos ajuda a viver.


Flores e Luz.

Símbolos Planetários


Sol: Um círculo com um ponto central. Representa o íntimo do homem, seu Eu Superior, é o espírito divino sendo encarnado. Pai.

Mercúrio: Aqui temos reunidos os três símbolos básicos: a alma sobre o espírito dominando o corpo físico. A alma ainda domina o espírito e consequentemente a matéria, indicando a imperfeição do pensamento humano. Razão.

Vênus: O círculo superior, força do espírito, procura dominar a matéria e vencê-la. Filha.

Terra: É o círculo com a cruz dentro. O símbolo também pode ser um círculo com um traço vertical e dois cortes horizontais, um em cima do outro. As vezes, a Terra é representada também com um circulo dominado por uma cruz. Aqui a matéria está acima e limita a ação do espírito.

Lua: Representa a alma, reflexo do espírito divino, representando a percepção, a imaginação e a sensibilidade. Mãe.

Marte: A princípio a seta deveria ser indicada como uma cruz inclinada, expressando o domínio dos impulsos físicos e materiais sobre o espírito. Filho.

Júpiter: O meio-círculo (da alma) procura se elevar acima da matéria (cruz). Expansão da alma.

Saturno: A matéria (cruz) domina a alma (meio círculo). O corpo material é uma limitação aos anseios de elevação da alma. Limite, carma.

Urano: Dois semicírculos, uma cruz central sobre um círculo. São as duas almas; a divina e a humana se juntam com o corpo para conseguir a expansão espiritual. Alguns astrólogos lembram também que Herschel, o descobridor de Urano, tem em seu nome um H que lembra o símbolo de Urano: será coincidência?

Netuno: Semicírculo (virado para cima) sobre a cruz, indica que a alma está em atitude de recepção das forças espirituais para a sua evolução sobre a matéria.

Plutão: é o espírito dominando a alma e a matéria. O espírito (círculo) está acima, dominando a humanidade. Sem dúvida nossa meta derradeira.

Flores e Luz.

(Fonte: Somos todos um)

terça-feira, 19 de outubro de 2010

As Fadas e os Jardins

Olá gente linda!

Nossa, mesmo com a correria do day by day estou me sentindo ótima!
Também pudera, estamos na linda Primavera com horário de verão, que eu amoooo rs.
E como isto me deixa muito inspirada, vou falar sobre as Fadas (que novidade não?! rs).
Essa vai principalmente para quem tem jardim, quem não tiver pode improvisar um cantinho em uma floreira ou vaso, vai ficar lindo e as Fadas vão amar do mesmo jeito, pois o que vale é a intenção, e isso as Fadas sentem de longe!

Então a minha dica é:

Transformar o jardim em um altar para as Fadas!
Elas amam jardins, e amam pessoas que cuidam bem de seus jardins, sendo assim, plante várias rosas, flores azuis, dedaleiras.
Você pode escavar a terra, forrar com pedrinhas e transformar um cantinho do seu jardim em um laguinho para atrair as Fadas das águas, coloque também cristais, velinhas flutuantes, conchinas, vai ficar lindo!
Providencie uma oferenda para as Fadas colocando gengibre, balas, docinhos, leite e mel em uma cestinha e deixe em seu jardim.
Voilá, está pronto o seu altar das Fadas no jardim!
Agora é só colocar uma música bem mágica, cantar, dançar e divertir-se na alegria e energia benéfica e luminosa das Fadas de Luz.
Beijinhos.

Flores e Luz.


Exercício Energético Matinal

Ao acordar, abra a janela e faça três respirações profundas, deixando o ar da manhã penetrar seus pulmões, trazendo a energia de um "novo dia" em todo o seu Ser.
Olhe para o Sol e dirija os seus pensamentos em "contemplação", deixe que a Luz lhe invada.
Feche então os olhos e, num ato rápido, dê um bom dia ao mundo e à você próprio.
Dê uma bela espreguiçada.
A partir de então, aja normalmente, preparando-se para o trabalho, ou para as atividades normais.

Tenham todos um lindo e mágico dia.

Flores e Luz.

sábado, 16 de outubro de 2010

Um tanto quanto...indignada

Olá flores, rosas e cravos que perfumam meu jardim!
Sabe, todo dia do professor fico meio indignada...poucas alunas lembram de me dar um alô!
Tudo bem, não quero confetes e serpentinas rs, a minha indignação é a respeito de divulgarem somente os professores da área da educação, esquecendo-se dos professores de dança, das pessoas que dão cursos mesmo que na área esotérica e por aí vai...
Então mesmo algumas horinhas atrasada, quero parabenizar TODOS os professores de TODAS as áreas, todos os que ensinam algo de útil, alegre e que ajudam no desenvolvimento humano.

Parabé...éns ♫ ♪ ♫ para mim e pra vcs! :))

Beijinhos Felizes.


"Você só sabe verdadeiramente algo quando é capaz de ensiná-lo.
Você só terá abundância quando acrescentar valor à vida de outros.
Isto não quer dizer que temos que dar tudo que temos, mas acima de tudo
é a habilidade e a disposição para dar, que nos traz tudo isso.
O que quer que você esteja segurando e escondendo do mundo - suas habilidades,
seus pensamentos, sua paixão, seu conhecimento, seu entusiasmo,
sua coragem, está segurando você.
As riquezas que você possui, sejam elas materiais, intelectuais ou espirituais
não tem valor nenhum se você não as usar..." (AD)

Flores e Luz.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Rosa do Deserto

A Rosa do Deserto é um belíssimo presente da Mãe Natureza.

É uma formação mineral, um agregado cristalino, que surge de um processo específico que envolve a evaporação da água das chuvas e a ação da erosão do vento.
São formadas por areia e água sob a intervenção do sol.
A pequena quantidade de chuva que cai no deserto é rapidamente absorvida pela areia, rica em gesso e arrastada para as profundezas do solo.
Como a areia está sob alta temperatura, a água evapora-se muito rapidamente, causando a cristalização do gesso.

É considerada um poderoso talismã na Tunísia, com grande poder de cura.
Não é uma planta, é pura poesia...
Olhando para suas maravilhosas formas não é difícil acreditar na mágica do vento, este grande escultor, que com suas mãos suaves consegue transformar areia em flor.

Flores e Luz.


(Fonte: blog infinito particular)

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Jardim e Sonhos

"No meu Jardim há
um grande lugar para o sentimento.
Meu Jardim de flores é também
Meu Jardim de pensamentos e sonhos.
Os pensamentos crescem
tão livremente como as flores
E os sonhos são tão bonitos".

Flores e Luz.

(Abram L. Urban)

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Salve a Primavera

Oh lá lá...finalmente ela chegou!
Não, não estou falando de mim rs, estou falando de uma das estações mais lindas que existe...
A Primavera!

Salve e bem vinda!
Me despeço do inverno agradecida, pois fui uma ótima bruxinha e me comportei muito bem este ano rs, não xinguei, não desrespeitei essa estação tão fria e que sempre incomodou esta garota primavera/verão que sou rs. Soube muito bem aproveitar seu verdadeiro significado. Tanto soube que agora estou recebendo bênçãos de todos os lados.

Estou feliz, serena, sinto que saí daquele luto que me corroía...as bênçãos me alcançam agora, e eu sou só gratidão...plena, forte, mulher, menina, encanto, amor de vênus, renovação de Primavera.

Seja mil vezes bem vinda a Primavera da minha vida!
Primavera das flores e sabores, das bolhas de sabão e do algodão doce...

E Viva a Vida!
Viva a Primavera!


Flores e Luz.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Poder da Deusa Consagrando o Cotidiano

O ressurgimento do Sagrado Feminino nos traz uma nova visão espiritual.
A espiritualidade centrada no culto à Deusa implica no respeito à natureza e à vida em todas as suas manifestações, no cultivo da compaixão e aceitação nossa e dos outros, no reconhecimento da intuição e sabedoria existentes – mesmo que latentes – em todos nós, na celebração alegre da unidade com toda a criação.
Para sentir o poder da Deusa, comece a perceber o sagrado em tudo que a cerca, em cada dia, em cada lugar. Talvez precise de algum tempo para notar e experimentar conscientemente momentos, vivências, encontros, que antes passavam de forma fugaz sem que você percebesse o seu valor. Adquirindo uma nova consciência a sua vida torna-se mais rica, um acontecimento ou encontro não mais é algo fortuito, as “coincidências” passam a ser facetas da sincronicidade cósmica.
A mulher tem um enorme poder dentro de si. Não é o poder sobre alguém ou contra alguém, é o seu poder inato e ancestral, a sua intuição, percepção, compreensão, compaixão, criatividade, amor e conexão – consigo mesma, com os outros, com o Divino.
Nas antigas tradições e culturas o poder criativo e renovador da Deusa eram o símbolo da própria vida, a Terra e a mulher eram consideradas sagradas sendo suas representações.
Nos cultos e mistérios femininos honravam-se os ciclos eternos que marcavam a vida do renascimento à morte, e desta para um novo início através do renascimento. Vida e morte eram interligadas de forma misteriosa e divina, competindo às mulheres as tarefas de recepcionar e cuidar da vida (como parteiras, mães, curandeiras), assistir e auxiliar as transições (como xamãs e sacerdotisas) e servir como intermediarias entre o humano e o divino (profetisas, oráculos).
O poder da Deusa possibilita a expansão do potencial emocional, mental, criativo e espiritual inatos em cada mulher. O poder da mulher está na sua sabedoria, a compreensão intuitiva, imparcial e sábia dos processos e das surpresas da vida. Todas as mulheres podem se tornar sábias, permanecendo serenas no meio do tumulto.
As mulheres que almejam o poder da Deusa cultivam uma forma diferente de espiritualidade, buscando expandir sua consciência, honrando a vida em tudo ao seu redor e transformando o mundano em sagrado. A chave para a transformação espiritual é o enriquecimento e o aprofundamento de sua vida interior, podendo assim acessar e confiar no seu Eu Superior.

Para nutrir e embelezar nossas vidas podemos usar inúmeros recursos, simples ou elaborados, como alguns dos seguintes:

1. Crie um espaço sagrado no seu lar, não somente através de um altar, mas usando sua inspiração, imaginação e amorosidade para que todos se sintam bem, protegidos, nutridos e amados;

2. Crie momentos sagrados – para si mesma ou compartilhando-os com amigos e familiares – caminhando na natureza, ouvindo música suave, jantando a luz de velas, lendo textos que nutram a alma, enriqueça a sua mente e elevem o espírito;

3. Entre em comunhão com a natureza, honrando a Deusa em todos os seus aspectos e manifestações. Não basta encher sua casa de plantas se você não entrar em contato real e profundo com a terra, a chuva, o vento, as nuvens, o Sol, a Lua, os animais – seus irmãos de criação;

4. Respire e consagre seu corpo como à morada da sua alma durante esta encarnação. Procure viver de forma saudável, fazendo suas opções com consciência, sem se agredir e sem culpar – a si ou aos outros – pelos seus problemas ou compulsões. Coma bem para viver melhor. Observe suas fugas e compensações, cuide da sua “criança” carente ou ferida ajudando-a a crescer, curando-a com amor e dando-lhe os meios adequados para se tornar forte e auto-suficiente;

5. Manifeste sua criatividade – escreva, borde, pinte, desenhe, faça colagens, modele argila, cante, recite, dance, aprenda algo novo, componha um poema ou canção, faça pão, comece um diário de sonhos. A mulher que não dá vazão construtiva à sua imensa capacidade criativa pode torná-la em energia destrutiva – contra si ou contra os outros;

6. Coloque em prática os ensinamentos espirituais. Não se contente em ler inúmeros livros ou participar de cursos e workshops se você não pratica aquilo que aprendeu. Para mudar, precisa viver de forma consciente, reconhecer e transmutar seus pensamentos negativos e ser sincera nas avaliações – suas e dos outros. Todas as experiências dolorosas da vida são aprendizados cujas lições podem contribuir para sua transformação. Algumas mensagens levam momentos para serem assimilados, outras, meses ou anos. Quando começar a compreender o significado dos acontecimentos da sua vida, você começou a crescer de fato e assim poderá abrir novas portas na sua vida, se usar a chave certa;

7. Encontre o equilíbrio entre o falar e o silenciar, se movimentar ou se aquietar. Procure se relacionar com pessoas que compartilham das mesmas buscas e que têm o mesmo nível vibratório. Participe de círculos de mulheres em que possa encontrar apoio para a sua jornada espiritual, em que possa confiar para expressar suas dores ou suas conquistas. Celebre a Deusa sozinha ou em grupo, encontrando assim a verdadeira fonte de seu poder, da sua cura e transformação. Cultive a Deusa dentro de você reconhecendo a sacralidade do seu corpo, da sua mente, das suas emoções, da sua vida. E ao reconhecer a Deusa dentro de si, você se tornará uma com Ela.

Flores e Luz.

(Texto lindo de Mirella Faur)

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Perdão - Blogagem coletiva



Olá flores, rosas e cravos do meu jardim!

Hoje é o último dia da blogagem coletiva, e o tema é o Perdão.
Pois é, já começo pedindo perdão rs, estou cheia de afazeres e nem daria para postar hoje, mas como adoro a Glorinha e as suas blogagens, cá estou eu! Não poderia falhar, mas serei breve por falta de tempo, então...perdão! rs.

Para mim o perdão é a própria cura!

É sim gente, o perdão cura. Perdoar é um ato que deveria ser praticado no dia a dia, para consigo mesmo e para com os outros também. Quando não perdoamos, acabamos gerando uma espécie de veneno em nosso corpo, que padece de doenças de todos os tipos. O veneno corre por nossa corrente sanguínea afetando todo o nosso equilíbrio. Rancores, raivas, tudo isso não vale a pena, o preço é muito alto!
E discernimento também faz parte disso! Ah...e o orgulho também, o ego e por aí vai.
Nos perdemos pela falta e excesso de sentimentos. Em um momento da minha vida, precisei perdoar uma pessoa próxima, e no começo confesso que tive muita dificuldade, pois como trabalho com energias, me propunha a mandar uma luz rosa do meu chakra cardíaco até o chakra da pessoa, inclusive justamente no momento em que se bobeasse eu iria era arranjar a maior briga entendem?! Mandava energia de amor, muito amor, e fiz também muita oração do perdão, só que não pensem que essa oração era pedindo para pessoa me perdoar não, era pedindo perdão mesmo, pois eu não tenho a ilusão de achar que não devo nada! Em minha crença existem pendências de vidas passadas, e hoje o que parece te ferir está alí para que você tenha a oportunidade de ser mais nobre agora e peça perdão das faltas que outrora cometeu, mesmo que não tenha conhecimento do que tenha feito. E olha gente, foi um santo remédio! O que era difícil no começo, se tornou o bálsamo da minha alma, os resultados vieram em forma de carinho, paz, harmonia e respeito.

Concluindo: Perdoem, se auto perdoem, perdoem quem o feriu. Cure a sua alma e quem sabe obterá a cura também do seu corpo.

Um grande beijo à todos.


Flores e Luz.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Sorry...

Gente!!!
Desculpem a minha ausência, mas ando muito atarefada!
Carrego todos no meu coração.
Desejo um lindo dia à vocês.
Beijinhos.

Flores e Luz.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Orgulho - Blogagem Coletiva

Mais uma sexta-feira de blogagem coletiva, e o tema é o Orgulho.
Cada pessoa tem o seu parecer a respeito deste assunto. Eu compartilharei hoje o texto de um site espiritual que tem a ver com a minha maneira de pensar. Como sou ligada a espiritualidade e acredito em reencarnação, ele traduz bem o que vai pela minha alma.
Beijinhos e boa reflexão.


ORGULHO

O orgulho, a ganância e a sede de poder refletem a imaturidade do ser humano, das pessoas que
acreditam que as leis cósmicas podem permitir uma felicidade egoísta, onde alguns se locupletam e outros vegetam.
Certamente os valores negativos mais danosos à humanidade são o orgulho, o egoísmo e a ambição desmedida, que levam o ser humano a querer sobressair-se sempre aos demais, a viver apenas em função de si mesmo, das suas vontades e satisfação das próprias paixões, e a ter sempre mais e mais.
Esses valores negativos demonstram apenas a imaturidade do ser humano, a sua tolice.
Para que orgulho se todas as situações e condições humanas são efêmeras, são passageiras? Orgulho de quê? Das posses que não podemos levar conosco para além desta vida, e que nem mesmo nos conseguem livrar das doenças, dos acidentes dos sofrimentos e da própria morte? Orgulho pela posse de bens que na realidade não nos pertencem; desses bens que a vida nos cede por empréstimo, e que temos de devolver na passagem pelo túmulo?
Além do mais, existem as reencarnações... O orgulhoso que se envaidece pelas posições que ocupa, pisoteando e humilhando seus subordinados ou aqueles a quem considera inferiores, nas futuras encarnações certamente irá sofrer as mesmas humilhações que impingiu a seus irmãos em humanidade.
O egoísta que se apega aos bens que possui e não lhes dá a correta destinação, ou seja, meios de vida também para outras pessoas, em futuras encarnações deverá amargar a pobreza, a penúria, a miséria, para poder dessa forma aprender a respeitar as leis divinas.

Flores e Luz.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

O Poder que vem de Dentro

Olá mulheres maravilhosas, e homens inteligentes que querem aprender mais sobre a verdadeira natureza feminina.

Fico imensamente feliz por ter o olhar que tenho hoje em dia. Como vocês já sabem, sou professora de dança (entre outras coisas), e fico maravilhada vendo as minhas alunas dançarem. Tenho alunas de várias faixas de idade, a mais "experiente nas coisas da vida" tem 75 anos. Amo poder vê-las dançando, pois consigo ver e sentir a essência e beleza da alma de cada uma. Claro que elas normalmente são muito críticas consigo próprias, mas eu...ah...eu consigo ver além e digo isso a elas sempre! Cada uma tem uma beleza, cada uma tem uma linda essência que se expande a medida em que se deixam levar pela música, pela dança e pela vida! Passo esta informação por conta da minha experiência pessoal de todos os dias, mas vejo beleza em todas as mulheres, naquelas que passam na rua, que são mães, filhas, avós, nas minhas lindas flores virtuais com as quais troco carinho e amizade aqui neste mundo dos blogs, aquelas que nem conheço pessoalmente e que vejo pela televisão, e por aí vai!
Mulheres lindas, descubram o seu poder, não falo do poder egóico, mas sim aquele que nos faz sentir belas independente da forma física, idade etc. Não sejam escravas da moda, da sociedade, do botox e das cirurgias plásticas indiscriminadas. Pra tudo há um tempo certo! Quer fazer uns ajustezinhos faça, mas sem perder a sua fisionomia, sem perder a beleza que o senhor tempo trouxe.
Hoje trago o trecho de um texto do livro "Mulheres que correm com os Lobos" da Clarisse Pinkola Estés que acho maravilhoso!
Leiam com muita atenção, e com muita alma também.
Beijinhos à todos que passarem por aqui.

O Poder das Ancas

O que constitui um corpo saudável no mundo instintivo?
No nível mais básico— o seio, o ventre, qualquer parte onde haja pele, qualquer parte onde haja neurônios para transmitir sensações — a questão não é a do formato, do tamanho, da cor, da idade; mas, sim, se existe sensação, se funciona como deveria, se temos reações, se temos todo um leque, todo um espectro de sentimentos.
Ele tem medo, está paralisado pela dor ou pelo receio?
Está anestesiado por traumas antigos?
Ou será que ele tem sua própria música?
Está ouvindo, como Baubo, através do ventre?
Está olhando com uma das suas inúmeras formas de ver?
Passei por duas experiências decisivas quando estava com vinte e poucos anos, experiências que contrariavam tudo o que me haviam ensinado sobre o corpo até então. Quando estava num seminário de uma semana de duração para mulheres, à noite junto ao fogo e perto de fontes termais, vi uma mulher nua de cerca de 35 anos. Seus seios estavam murchos de amamentar; seu ventre, estriado de dar à luz. Eu era muito nova e me lembro de ter sentido pena das agressões sofridas pela sua pele fina e clara. Alguém estava tocando tambores e maracas, e ela começou a dançar, com o cabelo, os seios, a pele, os membros todos se movimentando em direções diferentes. Como era linda, como era cheia de vida. Sua graça era de partir o coração. Eu sempre havia ridicularizado a expressão "furacão nos quadris". Naquela noite, porém, vi um exemplo. Vi o poder das suas ancas. Presenciei o que me haviam ensinado a ignorar: o poder do corpo de uma mulher quando é animado de dentro para fora. Quase três décadas mais tarde, ainda posso vê-la dançando no escuro e ainda sinto o impacto da força do corpo.
O segundo despertar envolveu uma mulher muito mais velha. De acordo comos padrões vigentes, seus quadris eram excessivamente parecidos com pêras, seus seios eram ínfimos em comparação, e suas coxas eram totalmente cobertas por finíssimas veias arroxeadas. Uma longa cicatriz de alguma cirurgia grave circundava seu corpo, indo desde a coluna vertebral até as costelas, como um corte para descascar maçãs. Sua cintura devia ter a largura de quatro palmos. Era, portanto, um mistério o motivo pelo qual os homens zumbiam à sua volta como se ela fosse um favo de mel. Eles queriam morder suas coxas de pêra, lamber aquela cicatriz, segurar aquele peito, descansar o rosto nas teias das suas varizes. Seu sorriso era deslumbrante; seu caminhar, extremamente belo. E quando ela olhava, seus olhos realmente absorviam o que estavam vendo.
Vi novamente o que me haviam ensinado a ignorar, o poder no corpo. O poder cultural do corpo é a sua beleza, mas o poder no corpo é raro, pois a maioria das mulheres o expulsou com torturas ou com sua vergonha da própria carne. Tendo em vista o exposto, a mulher selvagem pode pesquisar a numinosidade do seu próprio corpo e compreendê-lo, não como um peso morto que estamos condenadas a carregar por toda a vida, não como uma besta de carga, mimada ou não, que nos carrega por aí pela vida inteira, mas como uma série de portas, sonhos e poemas através dos quais podemos obter todo tipo de aprendizagem e conhecimento. Na psique selvagem, compreende-se o corpo como um ser por seus próprios méritos, que nos ama, que depende de nós, para quem, de vez em quando, somos a mãe e que, de vez em quando, representa a mãe para nós.

Flores e Luz.


sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Felicidade - Blogagem Coletiva

Olá minhas flores, cravos e rosas do meu jardim.
Primeiramente quero me desculpar pela ausência, ando muito atarefada no momento. Agradeço pelos comentários feitos desde a 6ª feira passada, muito obrigada pela visita e pelo carinho.

Minha opinião pessoal à respeito da Felicidade

No meu modo de pensar, a felicidade não está em lugar nenhum fora de nós, ela habita dentro do nosso ser. Procurar fora é pura perda de tempo!
Ficamos criando expectativas nos acontecimentos, nas pessoas, em tudo! Daí fica fácil não, temos a quem culpar por sermos tão infelizes e blá blá blá.
Somos responsáveis por nossa felicidade. Felicidade é um estado de espírito. Não sei se estou me fazendo entender, mas falo a respeito da felicidade real, aquela que vem de dentro e independe de fatores externos.

Vou dar um exemplo para deixar mais clara a minha opinião.
Quando passei pela maior tristeza da minha vida (a perda dos meus pais), senti minha alma dilacerada, a dor estava espalhada pelo meu corpo e por todo o meu ser, mas mesmo assim, eu sabia e sentia que a felicidade ainda estava dentro de mim. Eu estava passando por um momento de tristeza, mas isso não queria dizer que eu era infeliz.
O meu avô materno costumava dizer que existem momentos de felicidade, e eu não concordo.
Para mim existem momentos de tristeza, pois a felicidade habita em mim sempre!

Quem me conhece sabe, estou sempre sorridente, e isto não é uma máscara! Eu sou assim, feliz!
Tenho as minhas cicatrizes, mas escolhi ser feliz.
Sou uma pessoa emotiva, altamente compadecida, já chorei e ainda choro pelas tristezas do mundo, das pessoas que nem conheço e que sofrem, rezo por elas, emano amor e felicidade pra tudo que precisa.

Pensem sobre o que escrevi, todos podem ser felizes.
Querem um conselho para começar a pensar assim?

Sejam gratos por tudo o que tem.
Mesmo que chorar, seja agradecido pelo dom de estar vivo.
Quando não entender seu sofrimento agradeça à Deusa Mãe e a Deus Pai, pois se trata de um aprendizado e eles sabem qual o melhor caminho, nós podemos não entender nada do que está acontecendo, mas eles sabem, então confia e vai.
Você tem duas escolhas: a felicidade ou a tristeza. Qual você escolhe?
EU ESCOLHO SER FELIZ!!!


Compartilho agora com vocês, esta pesquisa que achei interessantíssima.

Contagiante como um sorriso

Um sorriso pode ser contagiante. Você não precisa de um sofisticado estudo científico para lhe dizer isto. Mas será que a felicidade se espalha tão rapidamente quanto um sorriso?

A resposta é um sorridente sim, de acordo com uma pesquisa feita por James Fowler (UC San Diego) e Nicholas Christakis (Harvard Medical School). Sua pesquisa acaba de ser publicada no British Medical Journal.

A felicidade é contagiante

A felicidade se espalha de forma muito ampla ao longo de uma rede social, atingindo não apenas as pessoas diretamente envolvidas, mas pessoas com até três graus de afastamento da pessoa que é a "fonte da felicidade".

Os cientistas também descobriram que a felicidade se espalha muito mais rapidamente do que a tristeza e a depressão e parece ter um efeito muito mais poderoso até mesmo do que o dinheiro.

Estudos científicos sobre a felicidade

"Os cientistas se interessam pela felicidade há muito tempo," explica Fowler.

"Eles já estudaram o efeito de tudo, incluindo ganhar na loteria, perder o emprego e ficar doente, mas até agora nunca ninguém considerou o efeito total da felicidade sobre as outras pessoas. Nós mostramos que a felicidade pode se espalhar de uma pessoa para outra pessoa, para outra pessoa, e assim por diante, em uma reação em cadeia através de todas a rede social."

"Um dos principais determinantes da felicidade humana é a felicidade dos outros," afirma Christakis, o outro autor do estudo. "Uma característica inovadora do nosso trabalho foi explorar a idéia de que as emoções são um fenômeno coletivo e não apenas um fenômeno individual."

Na pesquisa, eles usaram técnicas para avaliar a felicidade de 4.739 pessoas de 1983 a 2003, recriando a rede social na qual elas estavam inseridas. Para medir o bem-estar emocional das pessoas, eles se basearam nas avaliações dos participantes quanto a quatro afirmativas: Eu sou otimista quanto ao futuro. Eu sou feliz. Eu curto a vida. Eu sinto que sou tão bom quanto todas as outras pessoas.

O benefício de amigos felizes

A pesquisa mostrou que a felicidade adora companhia. Pessoas felizes tendem a se reunir e, de forma geral, pessoas com mais contatos sociais parecem ser mais felizes. Contudo, apenas o número de contatos não explica a felicidade de alguém.

Em média, cada amigo feliz aumenta sua própria chance de ser feliz em 9%. Cada amigo infeliz diminui essa chance em 7% - ou seja, a felicidade é mais contagiante do que a infelicidade.

Segundo os pesquisadores, a felicidade se espalha em uma rede social atingindo pessoas com até três graus de separação. Você tem 15% mais probabilidade de ser feliz se for diretamente conectado a uma pessoa feliz; 10% se seu amigo tiver um amigo feliz; e 6% se seu amigo tiver um amigo que tenha um amigo feliz.

Felicidade é melhor do que dinheiro

"Os efeitos que observamos podem não parecer tão grandes a princípio, mas considere que uma renda extra de U$5.000,00 foi associada a um aumento de apenas 2% na felicidade e você verá que o poder das outras pessoas é incrível. Alguém que você não conhece e com quem nunca se encontrou - o amigo de um amigo de um amigo - pode ter uma influência em sua felicidade maior do que milhares de dólares a mais em seu bolso," diz Fowler.
Estrutura das conexões interpessoais

A estrutura das conexões interpessoais também importa, com a posição de cada pessoa nesta rede impactando de forma significativa o quão felizes elas são.
De acordo com o estudo, a felicidade das pessoas depende não apenas de quantos amigos eles têm, mas também de quantos amigos seus amigos têm. Em termos de redes sociais, isto é conhecido como "centralidade." E, quanto mais central uma pessoa for - quanto mais conectados forem seus amigos ou quanto mais amplo for seu círculo social - mais provável é que ela venha a ser uma pessoa feliz.

O efeito não funciona no sentido inverso: tornar-se uma pessoa feliz não alarga seu círculo de amizades.

A felicidade mora ao lado

Os cientistas também estudaram o que acontece com a felicidade em relação à distância. Quando um amigo que mora a uma milha de distância (1,6 km) se torna feliz, isso aumenta a probabilidade da pessoa se tornar feliz em 25%. Amigos que moram mais longe não têm efeito tão significativo.
(OBS: Eu Mônica digo que meus amigos que moram longe, tem sim um efeito super significativo na minha felicidade).

"Nós acreditamos que a difusão das emoções tem um aspecto psicobiológico fundamental," diz Christakis. "A interação pessoal física é necessária, de forma que o efeito decai com a distância."

O efeito também decai com o tempo.

Responsabilidade sobre a própria felicidade

Essa pesquisa tem várias implicações práticas, uma das quais sendo o fato de que cada um deve assumir uma maior responsabilidade sobre sua própria felicidade porque isso afeta dezenas de outras pessoas.
"A busca da felicidade não é um objetivo solitário. Nós estamos conectados, e esta é a nossa alegria," diz Fowler. (Fonte: aqui)

Flores e Luz.

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Sacerdotisa e Grande Fada

Na Floresta encantada,
lá ela estava,
Pálida sacerdotisa e grande Fada.
Cantando com a Deusa,
Sorrindo com os elfos e dançando com os duendes.
Lá ela estava.

Sacerdotisa da Deusa;
Fada da lua e da terra,
Do ar, fogo, e água;
Infinita donzela, estrela brilhante.

Eterna mãe e eterna criança.
Eterna e sábia anciã.
Perante a Deusa,
lá ela estava.

Com o seu caldeirão, ela transformava.
Com a sua varinha, ela encantava.
Com o seu cálice, ela festejava.
Com o seu atame, ela consagrava.
E com o seu sino mágico, invocava a Deusa e os espirítos mágicos.

Pálida sacerdotisa e grande Fada,
No seu trono, ela reinava.
Seu trono a floresta encantada.
No seu trono ela reinava,
A vida e a morte,
O amor e a amizade,
A magia e a música.

Fada élfica encantada.
No círculo da vida e da lua, ela reinava...

Ela sabia, sabia como o ar;
Ela ousava, ousava como a água;
Ela queria, queria como o fogo;
Ela calava, calava como a terra;
Sua poção era o amor.
E sua mágica a vida.

Grande sacerdotisa e eterna Fada.
Eterna mestra, eterna aprendiz.
Na noite mágica.
E na floresta encantada.
Lá ela estava.
Cantando com a Deusa;
Imortal irmã, imortal sacerdotisa...

Flores e Luz.

(Desconheço a autoria)

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Raiva - Blogagem coletiva

Todas as vezes que experienciamos uma forma de desapontamento ou frustração é porque estamos resistindo a aceitar a realidade de que tudo muda, o tempo todo.
Aceitar mudanças requer de nós disponibilidade para o novo: temos que abandonar nossas velhas identidades e nos abrir para o desconhecido.
Na maioria das vezes, resistimos às mudanças porque elas nos demandam esforço, consciência e sabedoria para olhar de frente o que preferiríamos não ver.

Quando nos sentimos incapazes de lidar com o novo, surge em nós a raiva: vontade de atacar para nos defendermos daquela situação indesejada.
A raiva é um sentimento sustentado pela incapacidade de gerenciar uma situação.
A raiva nos desequilibra.
Apesar de expressar-se mediante a força da agressividade, ela nos enfraquece.
A raiva surge quando nos sentimos fracos e frustrados ao termos de reconhecer nossos limites internos e externos.

Para superar a raiva, é preciso saber atravessá-la.
O segredo está em observar o desconforto que ela produz em nós, sem nos deixarmos contaminar pela negatividade da autocrítica.
Como um cientista que é capaz de analisar uma substância venenosa sem se deixar contaminar por ela.

Não precisamos ser vítimas de nossa raiva.
Da próxima vez que você estiver preso à raiva, evoque em si mesmo uma atitude mental capaz de testemunhar o que estiver ocorrendo.
Você verá que é possível distanciar-se da raiva enquanto a estiver sentindo.
A atitude mental de observação é imparcial: não julga a raiva como certa ou errada.
Sua intenção é recuperar a clareza mental.

Para lidar positivamente com a raiva, temos de desenvolver a capacidade de manter os olhos abertos diante da dor.
Ter compaixão por nós mesmos é despertar a curiosidade em saber como aquele sentimento de raiva surgiu em nossa mente pela primeira vez.
Muitas vezes, sentir raiva nos faz chorar.
Se o choro for de aceitação, ele nos ajudará a derreter o ressentimento e o orgulho ferido.
Mas se for de indignação estaremos retroalimentando a própria raiva.
A indignação é como uma cola que nos deixa ainda mais presos ao sofrimento.
Podemos reconhecer que a raiva não nos traz benefícios e nos desinteressarmos por ela.
No entanto, só quando aceitamos a raiva é que ela se desprende de nós.

Há algo que a raiva quer nos ensinar.
Podemos escutá-la, pois ela nos revela as forças que necessitamos desenvolver para realizar nossas mudanças.
Na próxima vez que você estiver preso à raiva, pergunte-se: “Que força interna eu preciso gerar agora?”
Você já pensou em recuperar a gentileza consigo mesmo durante um ataque de raiva?
Podemos ter sido vítimas de uma injustiça, mas não precisamos ser vítimas de nós mesmos!
A determinação em sucumbir da raiva nos ajuda a recuperar nossa vitalidade.

O mestre budista Chögyam Trungpa dizia que o objetivo da vida consiste em simplesmente ir em frente e fazer da vida um modo de despertar, mais do que de adormecer.
Ele enfatizava que falhar é uma experiência inevitável, pois sempre encontraremos dificuldades. Mas se praticarmos com sinceridade e seguirmos o caminho com o nosso coração, as dificuldades não representarão um obstáculo.
Serão, simplesmente, um aspecto da vida, uma forma particular de energia.


Flores e Luz.


(Por Bel Cesar)

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Salve! Oh Deusa Lua

Lua

Nasce a noite iluminada pela Lua Cheia
E no íntimo sentimos sua misteriosa presença
Luz prateada enfeitiçando a meia noite e meia
Brilhando sobre a imensidão de cada crença

Lua Cheia de adversidades
Dos que vagueiam pelas veredas das sombras
Dos seres vazios pedintes de prosperidades
Dançam seus sonhos e ilusões sobre as alfombras

Lua Cheia dos lunáticos insanos
Das suas lágrimas caem estrelas sobre mim
Sobre os véus dos meus desejos humanos
Da maestria dos segredos não sairão até o fim

Lua Cheia dos poetas românticos
Dos amantes boêmios e eternos namorados
Assinalando a força dos poderes quânticos
Unindo as almas e os corações apaixonados

Lua Cheia dos ciclos e nascimentos
Gravitacional é o seu poder sobrenatural
Daqueles que possuem os conhecimentos
Mas sua magia é um fenômeno transcendental.

Flores e Luz.

(Autora: Helen Dante)

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Autoestima


Pois é, mais um dia de blogagem coletiva.
Tema de hoje: Autoestima

Falarei brevemente sobre o que penso sobre os pontos principais a meu ver.
Primeiramente a autoestima vem com o tempo, com a maturidade.
Pelo menos no meu caso foi assim! Sempre tive uma boa autoestima, mas virava e mexia escorregava nos comentários maldosos que faziam de mim de vez enquando. Antigamente parava e me preocupava pensando se eu era daquele jeito, se estava faltando algo, se não era boa o suficiente etc etc etc...
Meu primeiro passo rumo ao equilíbrio veio através do contato com a dança do ventre sagrada (não esta vulgaridade que andam mostrando por aí), através da dança fui desabrochando para um mundo novo. Me vi como uma mulher com defeitos e qualidades como todas, mas super de bem com meu corpo, parei totalmente de encanar com coisas tolas a respeito do meu jeito, do meu físico, oras rs, eu tinha mais o que fazer não!? rs.
Foi um desabrochar muito bonito, equilibrado, digo isto porque hoje em dia tem muitas mulheres vulgares expostas a troco de banana, e por nada estão aí enchendo os seios de silicone, malhando feito loucas, pondo botox antes da hora! Dá até uma impressão de autoestima se cuidar desse jeito, mas genteeee, não é nada disso! Estas pessoas tentam o tempo todo se auto afirmar, é uma grande falta de autoestima! Vibro sinceramente para que um dia, encontrem o equilíbrio para suas vidas.
Hoje em dia (aliás a um bom tempo já rs), tenho uma excelente autoestima, sou super centrada, não me abalo com comentários, se dizem que meu cabelo está lindo, acredito e sei que está porque não preciso que me digam para saber quem sou. Adoro um elogio, quem não gosta, é sempre bem vindo, ainda mais de pessoas queridas, mas não dependo desses elogios para saber quem sou. Me autovalorizo, fiz por onde, sou equilibrada e tento ensinar os outros também a adquirirem esta paz. É muito bom confiar no que a Deusa me deu.
No meu modo de pensar, não existe ninguém melhor do que ninguém, existem pontos de luz em todos os lugares querendo brilhar e ter seu lugar na terra.
Cada um é único, precisamos acreditar no nosso brilho interno, para este brilho reluzir forte para fora, atraindo seus afins para seguirem juntos e de mãos dadas, e ajudar a todos os que estiverem prontos para entender que somos todos Um.
Fica aí a minha dica, seja sempre você mesmo, acredite, a grama do vizinho não é mais verde que a sua.

E como já dizia o "Ultraje a rigor":

Eu me amo
Eu me amo
Não posso mais viver sem mim...rs



Nossa, isso porque eu ia escrever só um pouquinho rs.
Grande beijo à todos.



Flores e Luz.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Banho Mágico Azul


Banho Azul para se proteger contra inveja e olho gordo.

Ingredientes:

2 litros de água morna
5 gotas de essência de cravo
5 gotas de essência de canela
5 gotas de essência de arruda
5 gotas de essência de alecrim
5 gotas de corante alimentício azul aniz

Amorne a água e adicione uma essência de cada vez e por último o corante.
Tome um banho normal de chuveiro e depois derrame a água azul sobre o corpo começando do pescoço pra baixo.

Obs: é sempre bom se proteger, mas o melhor é ter bons pensamentos para não atrair os afins!

Flores e Luz.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Reflexão - Reverência ao Destino

Falar é completamente fácil, quando se tem palavras
em mente que se expresse sua opinião...
Difícil é expressar por gestos e atitudes, o que realmente
queremos dizer.

Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas
circunstâncias...
Difícil é encontrar e refletir sobre os seus próprios erros.

Fácil é fazer companhia a alguém, dizer o que ela deseja
ouvir...
Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer a verdade quando for preciso.

Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre a mesma...
Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer.

Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado...
Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te conhece.

Fácil é viver sem ter que se preocupar com o amanhã...
Difícil é questionar e tentar melhorar suas atitudes impulsivas e as
vezes impetuosas, a cada dia que passa.

Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar...
Difícil é mentir para o nosso coração.

Fácil é ver o que queremos enxergar...
Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto.

Fácil é ditar regras e...
Difícil é segui-las...

Flores e Luz.

(Carlos Drummond de Andrade)

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Patuá para proteger contra a Inveja

Xô!
Então, mãos à obra!

10 cm de pano vermelho
3 cravos-da-índia
3 paus de canela
1 colher de sal grosso
1 colher de manjericão
Pétalas de uma rosa branca

Em uma noite de lua cheia, faça um saquinho com o pano vermelho, e costure com uma linha preta ou vermelha virgem.
Coloque os ingredientes todos dentro dele, e feche a costura.
Deixe-o passar a noite no sereno.
No dia seguinte, pegue o patuá e agradeça aos Deuses por te protegerem da inveja.
Leve o saquinho sempre com você.
Utilize sempre para o bem.

Lembre-se sempre: “Podemos escolher o que semear, mas somos obrigados a colher aquilo que plantamos.”
Flores e Luz.


(Por Andréa Sutil e adaptado por mim - Blogagem coletiva - Tema: Inveja)

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Dodói

Gente!!!
Estou dodói, resfriada urghhh...então desculpem-me pela ausência.
Assim que melhorar eu volto e respondo todos os comentários tão carinhosos que me deixaram no post da blogagem coletiva.

Beijinhos....Atchinnnn...ops...rs.

Flores e Luz.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Desejo...

E o tema da blogagem coletiva de hoje é o Desejo!
Estou postando esta música que para mim é um hino, prestem atenção na letra.
Esta música fala de tudo o que eu desejo para vocês, e para mim também claro!

Amor pra recomeçar
(Frejat)

Eu te desejo não parar tão cedo
pois toda idade tem prazer e medo

E com os que erram feio e bastante
que você consiga
ser tolerante

Quando você ficar triste que seja por um dia
e não o ano inteiro

Que você descubra que rir é bom
mas que rir de tudo é desespero

Desejo que você tenha a quem amar
e quando estiver bem cansado
ainda exista amor pra recomeçar
pra recomeçar

Eu te desejo muitos amigos
mas que em Um
você possa confiar

E que tenha até inimigos
pra você não deixar de duvidar

Quando você ficar triste que seja por um dia
e não o ano inteiro

E que você descubra que rir é bom
mas que rir de tudo é desespero

Desejo que você tenha a quem amar
e quando estiver bem cansado
ainda exista amor pra recomeçar
pra recomeçar

Eu desejo que você ganhe dinheiro
pois é preciso viver também

E que você diga a ele pelo menos uma vez
quem é mesmo o dono de quem

Desejo que você tenha a quem amar
e quando estiver bem cansado
ainda exista amor pra recomeçar
pra recomeçar

Flores e Luz.



quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Momento de Reflexão

"Tudo é passageiro,
e por mais que você se agarre,
estará sempre sendo levado pela vida."
(AD)

Flores e Luz.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Festival das Dríades


Festival das Dríades, na Macedônia, celebrando durante três dias as Ninfas das florestas, as Ondinas das águas e os espíritos femininos das árvores.
Na antiga Alemanha, comemoravam-se as Nixen ou Kelpies, ondinas com vozes maravilhosas que, às vezes, dançavam com os homens.
Elas eram seres mutáveis, tanto na forma quanto na personalidade.
Podiam ser amáveis ou perversas, aparecendo em forma de mulher ou metade mulher, metade peixe.
Frequentemente, raptavam seres humanos, devolvendo-os se devidamente agradadas e presenteadas.
Os espíritos das árvores e das águas eram conhecidos na mitologia celta com vários nomes: Dervonnae eram as Dríades dos carvalhos; Fangge, as dríades benévolas; Pressina, as ondinas galesas; Stratteli, as dríades maléficas; Lamias, as ondinas bascas e as Damas Verdes, ninfas malévolas das florestas.

Aproveite a egrégora do dia e vá para perto de um rio ou lago e banhe-se, pedindo às Ondinas a purificação de sua aura.
Depois abrace uma árvore, pedindo à Dríade que nela habita para revitalizar seus centros vitais. Agradeça a ajuda e a energia recebida desses seres femininos, ofertando-lhes pequenos agrados femininos, como um espelho, fitas coloridas de seda ou veludo, pequenos sinos ou pétalas de flores.
Reverencie as Dríades, as Ninfas e as Ondinas, respeitando a pureza de seu habitat e evitando danificar as árvores ou poluir os rios.

Flores e Luz.


(Mirella Faur)